sábado, setembro 06, 2014

2 em 1 - O Senhor do tempo

Não morreu, está pulsando forte dentro do meu coração
O teu sonho, a promessa escrita por sua forte mão
Eu não entendo como o tempo me jogou lá dentro de um poço
Fui traído, fui vendido, esquecido no calabouço

Mas eu sei que és fiel, passa o tempo e és fiel
Quando acerto, és fiel
Se eu erro, permaneces fiel
O meu tempo não é o teu
Teus caminhos são mais altos que os meus
Faz pequeno se assentar com grande
A promessa a tua mão garante
Melhor é o teu tempo, senhor do tempo
Aquele que começou a boa obra em minha vida é fiel, eu sei
Deus fiel, eu sei
No seu tempo acontece, o menor ele engrandece
É fiel, eu sei; Deus fiel, eu sei

O mês voou, não é mesmo?
É...
Decidi postar dois em um... estava devendo (me fale uma novidade, vaaai...rs)...o post do mês de Julho
referente ao Desafio DIY. O tema era pintura em tela. Ameeeei a idéia, uma vez que é minha praia. A única coisa que me deixou um pouco preocupada é que nunca havia pintado com tinta acrílica e sim, óleo. Mas, deu tudo certo. Amei a Experiência.

Quem quiser fazer parte do grupo, basta pedir permissão para a Bibi, no Grupo mesmo... ela é uma fofa!!
A listinha de coisinhas fofas para se fazer a cada mês é essa:

Janeiro - Colagem 
Fevereiro - Costura 
Março - Customização
Abril - Crochê
Maio - Reciclagem
Junho - Feltro
Julho - Pintura em tela
Agosto - Encadernação
Setembro - Estamparia manual
Outubro - Bordado
Novembro - Scrapbook
Dezembro - Macramê

Os que grifei acima são os que fiz...porém, nem todos deu tempo de postar...buááá...
Mas, postarei aos poucos aqui... #oremos...

Mas, por que este post é "2 em 1"?
Porque aproveitei o gancho para mostrar o trabalho do Grupo da Bibí e tambpem... que dia é hooooojeeee?
o.O
Diaaaaa seeeeeis!!!


E todo dia 6 de cada mês o que fazemos por aquiiiii?

Êbaaaa!!!

A brincadeira é simples: você precisa postar seis fotos no seu blog, todo dia 6 do mês!
- Não precisa ter máquina fotográfica, foto de celular serve 
- Não tem um tema específico para as fotos, pode ser do que você quiser;
- Só precisa que você poste no dia 6, 6 fotos e mande o link para a gente!
Lista de blogs participantes: http://goo.gl/PUWZYF
*Lembrando que a pintura não é minha criação... é uma releitura...

Eu vejo agora, mas meu Deus vê lá na frente
Vejo o impossível, mas meu Deus vê diferente
As circunstâncias tão difíceis são sua escola
Hoje eu aprendo que sua glória é quem me aprova
Eu lembro o ontem, mas meu Deus vê meu futuro
Sua hora exata não se encaixa no meu mundo
Rasga o tempo e costura com sua graça
O seu relógio é diferente, não se atrasa
Senhor do tempo, a tua graça já me basta
Sempre basta, a tua graça, senhor
A tua graça


Mas eu sei que és fiel, passa o tempo e és fiel
Quando acerto, és fiel
Se eu erro, permaneces fiel
O meu tempo não é o teu
Teus caminhos são mais altos que os meus
Faz pequeno se assentar com grande
A promessa a tua mão garante
Senhor do tempo

...hoje acordei com a voz da mamis, beeeeem looooonge, cantarolando esta música...eu ainda estava meio que dormindo...meio que acordada...(Uma curiosidade: claro que ela às vezes muda uma palavra ou outra da letra da música... já sei a quem puxei! rsrs)
Acordei enfim e comecei a meditar na letra...logo o meu amigo fiel, O Espírito Santo, começou a conversar comigo em meus pensamentos e no meu coração...

O tempo... Ah! Inimigo? Amigo?
Somos "espremidos" pelo tempo...prazos para tudo! Bater a meta em 30 dias ou menos! Caso não o faça, você é "trocado" e aí entra aquela velha história do "perder a oportunidade"...
Parece que 24 horas já não nos está bastando, não é mesmo?
Temos tempo de validade...uns vivem mais na terra, mas não tem mais forças para realizar o que ficou pendente. Outros, são pegos de supetão e partem, e seus sonhos ficam perdidos pelo caminho...
Hora de entrada...saída...

Até a metade do século dezenove havia uma confusão geral para se saber a hora? Cada comunidade ajustava o seu relógio com hora diferente. Havia centenas de horários diferentes só na América do Norte. Nesta época, só em Chicago havia 100 fusos-horários diferentes.

Foi preciso que um homem chamado Sanford Fleming resolvesse o problema. Um livro recente, escrito por Clark Blaise, conta a história do Lorde Sanford Fleming e a criação do horário padrão universal. Blaise deu ao seu livro o título: "O Senhor do Tempo"

Para escrever o livro "O Senhor do Tempo", Clark Blaise fez uma pesquisa muito interessante e descobriu que antes dos dias de Sanford Fleming, a distância de 20 kilômetros assinalava um outro minuto solar. Assim sendo, no vale do Delaware, 100 Km a Oeste da cidade de Nova York era 11:55 quando os apitos do meio-dia soavam em Manhatan. Do outro lado do rio, em Jersey City era 11:59. Como naquela época as pessoas passavam a maior parte do tempo em suas pequenas comunidades sem viajar, e quando saíam, viajavam em barcos, carroças ou em lombo de animais, não havia tanta importância que a hora fosse diferente de um lugar para outro a cada 20 kilômetros.

Ninguém podia ir suficientemente longe em uma hora para entrar em problemas de horários. Mas quando chegou a época das máquinas a vapor, começou então a confusão nos horários.

Foi então que Fleming se tornou o inventor dos fusos-horários para o mundo todo. Seu sistema foi adotado mundialmente na Conferência de Meridianos que teve lugar em Washington, durante as três primeiras semanas de Outubro de 1884. Sanford Fleming tornou-se o Senhor do Tempo.

Em nossa era da propulsão a jato, enfrentar os fusos-horários, a linha internacional que marca as datas e o famoso "jet lag" tornaram-se parte da vida para muitas pessoas que trabalham viajando pelo mundo.

Eia agora vós, que dizeis: Hoje, ou amanhã, iremos a tal cidade, e lá passaremos um ano, e contrataremos, e ganharemos; Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque, que é a vossa vida? É um vapor que aparece por um pouco, e depois se desvanece. Em lugar do que devíeis dizer: Se o Senhor quiser, e se vivermos, faremos isto ou aquilo. (Tiago 4:13-15)

Nosso planeta é só uma pequena parte do infinito Universo de Deus.

Mas, qual seria a distância até o paraíso de Deus? Que distância teríamos que percorrer para conseguirmos chegar ao lugar onde Deus habita? Quantos fusos-horários e linhas demarcatórias teríamos de atravessar numa distância de 1,600 anos-luz? Muitos astrônomos cristãos acreditam que muito além dentro da amplidão do espaço vazio, além dos grandes portais da grande nébula, na constelação de Órion, está um lugar que a Bíblia chama de "Céu".

Mas o Céu está tão longe da Terra! Será que podemos nos comunicar com esse Deus que está tão longe? Lógico que sim!

A Bíblia nos ensina que enquanto nós, seres humanos estamos limitados a tempo, espaço, proximidade, estes elementos não têm nenhuma influência sobre o poder de Deus.

Por isso Deus hoje convida você a puxar a cadeira de sua casa, procurar um lugar bem sossegado e prosear um pouco com Ele no fim do dia.

Ele disse: "Clama a Mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e verdadeiras que não sabes". Jeremias 33:3


Você já parou pra pensar na grande lição que a oração do Pai Nosso nos ensina? Ela é a Oração Modelo, ensinada por Jesus, veja o que ela diz: "O pão nosso de cada dia nos dá hoje". Mateus 6:11

Quando fazemos essa prece estamos eliminando o amanhã. Estamos desafiando os relógios e os calendários, fusos-horários e encontros marcados. Isso porque não vivemos no amanhã, vivemos hoje.

Não pedimos o pão para amanhã. Não oramos as preces de amanhã. Quando amanhã chegar o nosso pedido pode ser redundante ou desnecessário.

"Não vos inquieteis, pois, pelo dia amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal". Mateus 6:34

Dizem que ser moderno é viver o dia de hoje. Então veja que a Bíblia é extremamente moderna.

Em Êxodo 16 a Bíblia nos conta de como Deus evitou que seu povo morresse de fome no deserto enviando a cada dia de madrugada uma espécie de massa, de pão. Este relato está cheio de importantes lições sobre o tempo de nossas orações.

Deus alimentou milagrosamente centenas de milhares que viajavam pelo deserto.

Cada manhã havia quantidade suficiente de maná para cada homem, mulher e criança, de acordo com sua capacidade alimentar do dia. Não havia mais nem menos.

Cada manhã lá estava o maná. Na hora certa. O povo não precisava preocupar-se em guardar o maná e levá-lo de um lado para outro. Não precisavam guardar no freezer. E mesmo assim eles comiam sempre comida fresca e não sobrava resto.

Normalmente o nosso alimento brota do solo, mas aquele povo estava no mais árido deserto. O pão caia do céu. Será que podemos ser nutridos pelo ar que respiramos? Pode alguém alimentar a população com vapores ou nuvens? Do espaço vazio Deus fez surgir constantemente o pão para Seus filhos. Cada manhã o solo estava coberto com o mantimento para toda a multidão. Tudo o que precisavam fazer era ajuntar. O deserto não se comportou como um deserto. Os céus supriram o que a terra se recusou a dar.

Esse pão do céu era totalmente grátis. O homem mais rico recebia o mesmo que o mais pobre. Nem um dos dois precisava pagar um centavo. Tudo era de graça.

Quem tinha um apetite grande comia a fartar e sempre teve o suficiente. Quem tinha pouco apetite ajuntava como os outros, mas nunca deixava restos. Deus dava o maná à vontade, porém, exatamente de acordo com a capacidade de o povo receber.

Hoje ainda temos a promessa que diz: "O meu Deus, segundo as Suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus". Filipenses 4:19

O maná caiu ano após anos, com a mesma cor, e com a mesma forma de sempre, bem perto da tenda de cada Israelita. Era a melhor alimentação para eles. Não continha calorias vazias, nem colesterol, nem elevados níveis de gorduras nocivas, nem conservantes, nem produtos químicos prejudiciais à saúde.

Era uma dieta vegetariana perfeita e balanceada, contendo todos os nutrientes que o povo necessitava.

Nenhum nutricionista poderia ter preparado um menu com tanta sabedoria como o cardápio que Deus preparou para Seus filhos no deserto.

Sabe o que acontecia se alguém procurava guardar o maná de um dia para outro? O maná estragava.

Mas havia uma exceção. Deus instruiu ao povo que na Sexta-Feira colhesse o dobro do maná, para não precisarem colher no Sábado, pois nesse dia o maná não cairia como durante a semana. Deus disse ao povo que o maná que guardassem da sexta para o sábado não estragaria como nos outros dias.

Todos os dias de madrugada o maná caía e devia ser colhido cedo.

Assim também as bênçãos de Deus nos esperam nas primeiras horas depois que nos levantamos, é nestas horas que podemos receber melhor, as bênçãos de Deus e o pão espiritual.

Não deixe que nada tome seu tempo de falar com Deus. Busque constantemente o seu maná. Não tente viver no maná de ontem. Experiência velha é alimento espiritual pobre.

Os Israelitas precisavam colocar-se de joelhos para ajuntar o maná.

Se você hoje se ajoelhar em oração em busca do maná celestial, Deus iluminará sua vida a cada dia e você ganhará um aliado para suas batalhas diárias.

Somos escravos do tempo. Precisamos que o Senhor do Tempo nos ajude se quisermos achar tempo para orar. Em seu livro "O Senhor do Tempo", Clark Blaise diz que o tempo é um tirano sanguinário.

Que horas são no seu relógio?

Talvez você já esteja pensando nas coisas que terá que fazer hoje.

Que horas são no seu fuso horário? A Biblia nos indica a hora exata em que estamos: "Semeai para vós em justiça, ceifai segundo a misericórdia; lavrai o campo de lavoura; porque é tempo de buscar ao Senhor, até que venha e chova a justiça sobre vós". Oséias10:12

É tempo de buscar ao Senhor.

Aqui está o grande problema e a grande solução para ele!

Nós temos tantos problemas, nos sentimos desamparados, às vezes humilhados, diminuídos, solitários.

Precisamos de um relacionamento com Deus! Só Ele pode suprir nossas almas!

O problema é que muitos não conseguem enxergar que precisam de Deus com a mesma intensidade que precisam do ar para respirar. Aí gastam toda a vida procurando solução em coisas, filosofias, doutrinas tão distantes que só fazem aumentar seu vazio.

As pessoas correm tanto hoje em dia que acabam deixando Deus como a última coisa do dia, e às vezes da vida!

Acabam percebendo que na verdade não têm tempo para Deus

Muitos me dizem que não têm tempo para Deus, mas sempre acham tempo para outras coisas que querem fazer.

Tente imaginar uma grande caixa de madeira. Ela está vazia. Esta caixa é seu tempo.

Vamos agora enche-la com bolas de boliche. Agora a caixa está cheia. Dá pra colocar mais alguma bola? Ela está cheia mesmo?

Bem, eu quero mostrar pra você que ainda podemos achar lugar para pôr na caixa um monte de bolinhas de vidro, sim bolinhas de gude.

E agora, está cheia? Que nada! Tem ainda muito espaço vazio na caixa, vamos colocar muitas bolinhas de chumbo que os caçadores usam.

E agora, cabe mais coisa?

Lógico que sim! Vamos colocar muita areia fina! Muitos quilos de areia fina!

E se você achava que desta vez estava cheia, quero dizer que ainda vão caber muitos litros de água até que não haja nenhum espaço vazio.

Assim é a nossa vida!

Vivemos tentando achar espaço para grandes orações de joelhos ou momentos muito especiais a sós com Deus. Mas esquecemos que há tantos espaços vazios em nosso tempo que poderíamos dedicar a Ele!

Podemos estar em contato com Deus enquanto andamos de ônibus, enquanto trabalhamos, estudamos, enquanto vamos dirigindo para o trabalho. Podemos dedicar tanto tempo a Deus que Ele se tornará nosso melhor amigo!

Mesmo nos dias mais ocupados podemos encontrar lugar para a oração, para pequenos atos de bondade, para palavras de encorajamento, para pensamentos de esperança.

Vivemos super ocupados! James Houston fala sobre o "narcótico dos negócios" e a "pobreza da afluência". A maioria de nós segundo ele, somos levados nessa correria que chamamos de vida. É como se estivéssemos numa escada rolante. Mesmo que você fique parado, ainda assim vê a vida via passando ao seu lado!

Temos tanto a fazer: estudar, trabalhar, ganhar a vida! Também precisamos de lazer, afinal ninguém é de ferro!

Aí, não temos tempo para Deus e para conversar com Ele e para nos alimentarmos do pão espiritual.

De manhã estamos tão cansados que é quase impossível levantar um pouco mais cedo. Cada minuto na cama é muito precioso!

À noite, mal podemos ficar acordados uma hora para estudar a Bíblia e orar, em uma noite qualquer. Quando você compreender que não pode fazer nada sem Cristo e se colocar de joelhos diante dEle, só então Ele poderá ajudá-lo.

Com a sua permissão Ele vai entrar em seu ser e passará a morar em você. Mas isso precisa ser uma experiência diária. Precisamos de Sua força cada dia.

Aí você poderá sentir o poder restaurador de Jesus em sua vida.
Por isso Senhor, dá a cada um de nós força, vontade para estar em comunhão Contigo e ligados a Ti. Assim dá-nos dias muito mais felizes do que temos tido,
em nome de Jesus. Amém.


O Senhor revelou a Daniel o sonho do rei Nabucodonosor, em um prazo curto. Por causa disso, sua vida, e a dos seus companheiros, foi poupada, para a glória do Senhor. Na sua oração de gratidão, Daniel exclamou: “Ele muda os tempos e as horas” (Daniel 2:21).



Para ouvir a canção, o vídeo acima. 

O SENHOR te abençoe e te guarde; o SENHOR faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça; o SENHOR volte para ti o seu rosto e te dê paz. – Números 6.24-26

Besitos!!! Bona tarda!!
Hasta!!!


6 comentários:

Sabrina Folly disse...

Quadrinho fofo!!! Lindo mesmo, amei. A mensagem também! Bjok@s!

Giselle Rayane disse...

o quadro ficou liindo! :)

pode dar uma passadinha no meu blog?! Tem algumas coisinhas a venda lá e espero que goste de algo!
http://refugiosinsanos.blogspot.com/
Desde já, obg! ;*

Ludmila Almeida disse...

Tô apaixonada pelo seu quadro!! Que perfeito! :)

Menina Rosa Store disse...

Oi, Sá! Fico feliz que tenha gostado! Bju!

Menina Rosa Store disse...

Obrigada, Gisele querida! Bjão! !

Menina Rosa Store disse...

Oi, Lud! Aaaaaah. .. fico feliz que tenha gostado... brigada! Bju!

Pin It button on image hover